Alta Floresta - Quarta-Feira, 22 Mai 2024

Apresentador do SporTV detona participação de Robinho em churrasco do Santos

André Rizek criticou a presença de Robinho, no Centro de Treinamento do Santos, na segunda-feira (26/2); ex-jogador foi condenado a nove anos de prisão por estupro coletivo

noataque

Pedrinho e Robinho durante churrasco no CT do Santos (foto: Reprodução)

Apresentador do SporTV, André Rizek criticou a participação do ex-jogador Robinho em churrasco, no Centro de Treinamento do Santos, na segunda-feira (26/2). O ex-atacante foi condenado, em janeiro de 2022, pela Justiça Italiana, a nove anos de prisão por estupro coletivo.

“Foi condenado a nove anos – não cabe mais nenhum recurso. Primeiro, a Itália solicitou a extradição do brasileiro. Negada. Então, que cumprisse a pena aqui. Essa era a expectativa dos italianos. A realidade: (Condenado por estupro, Robinho vai a churrasco no CT Rei Pelé)”, disse o jornalista.

Santos promoveu a confraternização para comemorar a vitória por 2 a 1 sobre o São Bernardo nesse domingo (25/2), pela 10ª rodada do Campeonato Paulista, no Morumbis. Líder do Grupo A, com 22 pontos, a equipe paulista é dona da melhor campanha no estadual – sete vitórias, um empate e duas derrotas.

Em nota, o Peixe negou o convite ao ex-atacante: “O Santos FC esclarece que o ex-jogador Robinho esteve nesta terça-feira (27) no CT Rei Pelé, para acompanhar o seu filho, Robson, atleta da categoria sub-17, em exame médico e apenas cumprimentou os participantes do churrasco realizado no local para o elenco, comissão técnica e diretoria. O Clube deixa claro que não houve convite, muito menos a participação na confraternização”.

O atacante Pedrinho, de 23 anos, acusado de violência doméstica, ameaça, injúria e lesão corporal por sua ex-namorada, tirou uma foto com Robinho no evento e postou nas redes sociais. 

Robinho é condenado por estupro coletivo

Em 2013, Robinho, à época no Milan, e outros cinco homens estupraram uma mulher de origem albanesa em boate na cidade italiana. A justiça os condenou a nove anos de prisão em última instância em janeiro de 2022.


As mais vistas
planejar ok